Institucional

Histórico

O primeiro plano para a criação do Centro de Informática da UFPE, dentro do padrão que ele é hoje, nasceu no antigo Departamento de Estatística e Informática. Foi elaborado em 1985 e idealizado para ser um centro de referência e excelência em Informática da América Latina 15 anos antes dele existir de fato, em meio a um momento no qual não se fazia planos de longo prazo no Brasil dadas as condições econômicas da época. Os idealizadores desse plano tinham como premissa básica a inovação e isso fez com que a UFPE se tornasse a instituição pioneira no Brasil no ensino da programação orientada a objeto, dos jogos digitais e do empreendedorismo, além de uma das primeiras universidades brasileiras a ensinar inteligência artificial.

O CIn-UFPE foi finalmente consolidado como centro de referência em 2000 depois da elaboração da última reforma curricular. O Centro foi se desenvolvendo, ampliando sua infraestrutura, seus cursos de graduação e pós-graduação, firmando acordos de empreendedorismo e cooperações com universidades nacionais e internacionais, reforçando, assim, sua reputação de seriedade e capacidade de inovação constante. Isso tudo com um olhar sempre atento às necessidades concretas das pessoas e das empresas em seu cotidiano. O Centro foi crescendo e formando pessoas para viver no aqui e agora, para conversar e entender os outros e encontrar soluções na área de Informática.

Para que tudo isso acontecesse, entretanto, muitos fatos foram desencadeados bem antes do plano de 1985. Depois dessa época, outros eventos também ocorreram e a linha cronológica a seguir apresenta o caminho que foi percorrido para que o CIn-UFPE chegasse ao que é hoje.

Alguns marcos importantes:

1970: Criação do Centro de Processamento de Dados (UFPE)                

1974: Criação do Departamento de Estatística e Informática (CCEN) e fundação do Mestrado em Informática

1975: Criação do Curso de Graduação em Ciência da Computação

1983: Criação do Departamento de Informática (DI-CCEN)

1986: Reforma Curricular na Graduação (5 anos) / Laboratórios de Microinformática para o Ensino (G/PG)

1988: Conquista do nível A da Capes no Mestrado em Informática

1990: Construção do novo prédio do DI

1992: Começa Doutorado em Ciência da Computação

1996: Criação do CESAR associado ao DI

1999: Criação do Centro de Informática (CIn)

2001: Participação do CIn na fundação do Porto Digital

2002: Criação do Curso de Graduação em Eng. da Computação

2005: Defesa da quingentésima dissertação de Mestrado na UFPE esse tipo de conteúdo não é história

2007: Pós-Graduação do CIn conquista o nível 6 da CAPES

2008: Defesa da centésima tese de Doutorado do CIn esse tipo de conteúdo não é história

2010: Criação do Curso de Sistemas da Informação

2011: Defesa da milésima tese de Mestrado do CIn esse tipo de conteúdo não é história

2012: Defesa da centésima Dissertação de Mestrado Profissional do CIn esse tipo de conteúdo não é história

2014: 40 anos do CIn

2015: Inauguração das novas instalações do CIn e Defesa da tese de Doutorado número 250

2016: CIn e Porto Digital inauguram o Pitch, ambiente de inovação e empreendedorismo

2017: Programa de Pós-Graduação acadêmico do CIn recebe nota 7 da Capes e o Mestrado Profissional recebe nota 4.

2018: Inauguração do SandPit, espaço de fomento ao empreendedorismo, inovação e prototipação  do CIn